para encerrar as inscrições do Prêmio IPL- Retratos da Leitura 2019

PROJETO

Status atual: Premiado

Cadastro: (1709-0612-0298)

Projeto: TÔ NA REDE PARÁ

Organização responsável: Instituto de Políticas Relacionais

Natureza do projeto: Formação de mediadores ou agentes de leitura, Promoção do acesso ao livro (feiras, blogs, sites etc), Criação / aperfeiçoamento de espaços da leitura/bibliotecas
Cadastrado em: 09/17
Atualizado em: 06/09/2017

Prêmio IPL
Premiado 2017




O Projeto propõe melhorar e aumentar o engajamento das bibliotecas públicas para melhor atender as necessidades de informação e leitura das suas comunidades, através da realização do I Diagnostico das bibliotecas públicas do Estado do Pará, da formação dos profissionais que atuam com a promoção da leitura, e do fomento ao estabelecimento de redes locais.


O projeto está percorrendo os 144 municípios Estado do Pará para oportunizar o debate de temas relevantes e atuais nas áreas do livro, leitura, literatura e bibliotecas, além de viabilizar a troca de experiências e a valorização de boas práticas na gestão pública e também da sociedade civil organizada, através do diagnóstico das bibliotecas e da realização de encontros regionais que reúnem gestores públicos da área, e profissionais da educação.


Objetivos: -Subsidiar o aperfeiçoamento de políticas públicas em todas as esferas, para a melhoria e valorização do livro, leitura e das bibliotecas públicas; -Fortalecer a rede de bibliotecas públicas e comunitárias; - Promover o livro e a leitura; -Formar profissionais das bibliotecas e profissionais da educação; -Envolver jovens/comunidade nas bibliotecas; -Identificar parceiros centrais; -Identificar sustentabilidade das ações /rede;


O projeto piloto já foi realizado em 3 cidades brasileiras, em 13 bibliotecas públicas sendo, 09 em Arapiraca/AL , 02 em Belém/PA e 02 São Paulo/SP. Este projeto com base nos resultados obtidos foi multiplicado no Estado do Pará.O projeto piloto Tô na Rede teve resultados no aumento do envolvimento dos bibliotecários com a comunidade, melhor percepção da biblioteca do ponto de vista da comunidade e o estabelecimento de metodologia participativa que pode ser replicada.


Principais inspirações ou referências teóricas e práticas



-Dificuldade de acesso aos municípios pelo tamanho do estado, e condições das estradas e rios; - Dificuldade inicial de contato e articulação com as bibliotecas pelos contatos estarem desatualizados.


Todas as dificuldades foram superadas. As dificuldades relacionadas a contato foram superadas, pois através do diagnóstico atualizamos os contatos das bibliotecas e dos gestores municipais de todo o Estado. E em relação ao acesso aos municípios, nossos pesquisadores tiveram todo apoio e flexibilidade para conseguirem ajustar os roteiros durante o processo da pesquisa de campo, embora diversos imprevistos tenham ocorrido como carreta tombada, ponte quebrada, não ter maré para o barco sair...


Sim, na primeira etapa do projeto realizamos uma avaliação de impacto do projeto, estabelecendo um processo de avaliação e monitoramento participativo, a partir de ações presenciais e a distância, de avaliação e possíveis impactos gerados pelo projeto piloto do Programa Tô na Rede (2014-2015), implantado nas cidades: Arapiraca – Alagoas; Belém – Pará; São Paulo (extremo sul) – SP.


Sim, do programa IBERBIBLIOTECAS em 2016


Sim, as atividades do projeto foram amplamente divulgadas e receberam diversas críticas positivas pelos participantes e prefeituras onde o projeto passou. Segue o link com algumas destas: 1) http://g1.globo.com/pa/para/noticia/braganca-recebe-encontro-de-leitura-a-partir-desta-quarta.ghtml U 2) https://www.sbtbraganca.com.br/single-post/2017/05/03/Bragan%C3%A7a-sedia-Par%C3%A 3) http://oimpacto.com.br/2017/06/20/exposicao-fotografica-no-centro-cultural-joao-fo 4) http://www.coimp.org.br





11/01/2016


12/01/2017


Sim, o Projeto acontece atualmente


Brasil - Região Norte - PA -
Brasil - Região Sudeste - SP -







Número de pessoas atendidas


780


0


0


0


0


O projeto tem diversas formas de atuação no Estado, uma delas é a realização de encontros regionais, nas regiões de integração do estado, reunindo aproximadamente 150 pessoas em cada. Além do público envolvido na pesquisa que percorre todos os municípios

Equipe


3


0


2


1


0


0


16



Informe se o projeto conta somente com recursos próprios (100%) e/ou se conta com patrocínios ou outros apoios financeiros. Se possível, informe (entre parênteses) como esses recursos se distribuem percentualmente para custear o projeto


Quais organizações e/ou instituições são parceiras e como apoiam o projeto