para encerrar as inscrições do Prêmio IPL- Retratos da Leitura 2019

PROJETO

Status atual: Premiado

Cadastro: (1705-0910-0125)

Projeto: Projeto Remição de Pena pela Leitura

Organização responsável: Companhia das Letras

Categoria da organização: Órgão público
Natureza do projeto: Promoção do acesso ao livro (feiras, blogs, sites etc), Formação de leitores em geral e de leitores de literatura
Cadastrado em: 05/17
Atualizado em: 09/05/2017

Prêmio IPL
Premiado 2017




Ao longo do projeto, todos os presos, com o auxílio de um mediador, discutem o livro no clube de leitura. Para que a remição se efetive, o juiz responsável por cada unidade deve receber um resumo desse livro, escrito pelo preso, junto com um parecer atestando a leitura da obra.


Estímulo à adoção de práticas de leitura por pessoas privadas de liberdade, por meio de diferentes ações.


O projeto pretende efetivar o direito à literatura para pessoas privadas de liberdade e, deste modo, fomentar comportamentos leitores que levem a uma ampliação do repertório de leitura, para si mesmos e para outros. Além disso, pretende garantir o acesso a possibilidade de remição de pena prisional pela leitura.


A ação se justifica por atender um público com pouco acesso a direitos, educação, livros e leitura.


Principais inspirações ou referências teóricas e práticas



Logística entre as unidades prisionais, envio das resenhas para os juízes.


Estamos em reavaliação constante do projeto e tentando organizar e dar conta das dificuldades que surgem.


Não, mas precisamos.


Prêmio IPL – Retratos da Leitura





08/01/2015


Sim, o Projeto acontece atualmente


Brasil - Região Sudeste - SP -







Número de pessoas atendidas


400


0


0


0


0

Equipe


4


0


0


0


20


13


0



Informe se o projeto conta somente com recursos próprios (100%) e/ou se conta com patrocínios ou outros apoios financeiros. Se possível, informe (entre parênteses) como esses recursos se distribuem percentualmente para custear o projeto


Quais organizações e/ou instituições são parceiras e como apoiam o projeto